O futuro é amanhã

O Futuro é Amanhã!

Projeto educativo sobre as alterações climáticas que sensibiliza toda a comunidade educativa do território para esta problemática.

As alterações climáticas são um dos grandes temas e preocupações da atualidade, estando versadas nas aprendizagens essenciais de vários níveis de ensino e de diferentes áreas disciplinares. Constitui assim um tema de grande relevância e de natureza transdisciplinar e interdisciplinar, que pretende promover conhecimento e dinamismo de intervenção com vista ao Sucesso Educativo.

Neste sentido, “O Futuro é Amanhã” é um projeto educativo sobre alterações climáticas que irá sensibilizar a comunidade educativa para esta problemática e contribuir para a promoção de comportamentos ambientalmente sustentáveis. Pretende-se o acompanhamento do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pela Comunidade Intermunicipal, nomeadamente através do Plano Intermunicipal de adaptação às Alterações Climáticas.

 

OBJETIVOS

  • Consolidar e divulgar os resultados do Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas;
  • Mobilizar a comunidade escolar para o processo adaptativo e para o tema da adaptação às alterações climáticas;
  • Motivar os professores e os alunos a participarem ativamente no processo de reflexão, debate e divulgação da temática, de modo a que possam adotar atitudes e comportamentos no quotidiano que atenuem os impactos das alterações climáticas.

PÚBLICO-ALVO

  • Professores e alunos de todos os níveis de ensino
  • Pais e encarregados de educação

 

ATIVIDADES OU INICIATIVAS A DESENVOLVER

  • Workshops de apresentação aos alunos e aos professores – apresentação introdutória do tema aos alunos e professores, reforçando a sua motivação para participarem no programa.
  • Atividades lúdico-didáticas para alunos – dinamização de atividades lúdico pedagógicas para alunos sobre as alterações climáticas.
  • Passaporte ambiental – Cada aluno receberá um passaporte ambiental, em que poderá ter até cinco carimbos (um por atividade) como forma de comprovar que participou nas diferentes sessões e jogos propostos.
  • Semana Intermunicipal da Adaptação Climática – dinamização de atividades que permitirão às famílias conhecer o Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas em Viseu Dão Lafões e capacitá-las para adoção de melhores comportamentos e práticas ambientais.
  • Exposição itinerante nos 14 municípios e nos 22 agrupamentos de escolas.

 

INFORMAÇÕES E RECURSOS DE APOIO AO PROJETO

 

CONCURSO ESCOLAR: “Alterações climáticas – Vamos adaptar-nos”

O PROJETO EM NÚMEROS

Ano letivo 2020/2021

  • 8.350 Visitantes na exposição virtual
  • 80 dias
  • 14 Municípios

Ano letivo 2021/2022

  • 3.500 alunos
  • 110 dias
  • 14 Municípios
  • 22 agrupamentos de escolas e 3 escolas secundárias

Comer bem, Sorrir Melhor!

Comer bem, Sorrir Melhor!

Projeto educativo que promove a saúde oral e a alimentação saudável.

O projeto é promovido em parceria com a Ordem dos Médicos Dentistas e Ordem dos Médicos Nutricionistas tem como objetivo promover a literacia para a saúde oral e saúde nutricional, prevenção e tratamento conservador, nos agrupamentos escolares dos 14 municípios da Comunidade Intermunicipal Viseu Dão-Lafões, durante os anos de 2022 e 2023. 

 

OBJETIVOS

  • Aumentar o conhecimento das crianças e das famílias sobre a importância da saúde oral e da alimentação saudável;
  • Promover hábitos alimentares saudáveis das crianças e respetivas famílias;

PÚBLICO-ALVO

  • Professores e alunos do 1.º ciclo do Ensino Básico
  • Famílias

ATIVIDADES OU INICIATIVAS A DESENVOLVER

  • Consultas dentárias
  • Consultas de nutrição
  • Realização de atividades lúdico-pedagógicas nas escolas

I

Laboratório Móvel das Ciências

Laboratório Móvel das Ciências

Percorre todos os Agrupamentos de Escolas dos 14 municípios, dando ao oportunidade aos alunos de descobrir e explorar em Viseu Dão Lafões.

O “Laboratório Móvel das Ciências: Descobre e Explora em Viseu Dão Lafões” teve como principal objetivo disponibilizar aos agrupamentos de escolas dos 14 municípios de Viseu Dão Lafões ambientes pedagogicamente inovadores, motivadores e capazes de criar valor acrescentado no processo de ensino aprendizagem.

A criação do laboratório móvel assenta numa dinâmica de exploração de novas metodologias de ensino aprendizagem, focadas no aluno, onde as crianças, desde o início da escolaridade, vivenciam ambientes potenciadores do desenvolvimento, de conhecimento e competências, por exemplo, nas áreas da robótica, do mundo digital, da criatividade e inovação, da colaboração e da resolução de problemas através do estímulo do pensamento crítico, entre outras.

Os nossos alunos terão ao seu dispor um ambiente pedagógico, rico e diferente do seu contexto normal de aprendizagem, com material e conteúdo estimulante e enriquecedor, que permitirá partir à descoberta do conhecimento.

 

OBJETIVOS

  • Disponibilizar ambientes pedagogicamente inovadores às escolas do território de Viseu Dão Lafões;
  • Explorar novas dinâmicas de ensino aprendizagem no âmbito das STEM;
  • Motivar os alunos para o gosto pelas Ciências;
  • Desenvolver diferentes competências do perfil do aluno (pensamento crítico e criativo, o saber científico, técnico e tecnológico e o raciocínio e resolução de problemas).

 

PÚBLICO-ALVO

  • Professores e alunos dos 3.º e 4.º anos do 1.º ciclo do Ensino Básico.

 

ATIVIDADES OU INICIATIVAS A DESENVOLVER

  • Fábrica de robots
  • Corpo humano
  • Fenómenos atmosféricos e alterações climáticas
  • Engenhos e engenhocas
  • A nossa Escola no Cosmos
  • Bolas e mais bolas (atividade recomendada para as férias)

INFORMAÇÕES E RECURSOS DE APOIO AO PROJETO

O PROJETO EM NÚMEROS

Ano letivo 2020/2021

  • 22 Agrupamentos de Escolas
  • 241 turmas
  • 3884 alunos
  • 252 professores

Ano letivo 2020/2021

  • 22 Agrupamentos de Escolas
  • 420 turmas
  • 7.000 alunos
  • 402 professores

Descobre e Aprende em Viseu Dão Lafões

Descobre e Aprende em Viseu Dão Lafões

Diferentes experiências e oportunidades de aprendizagem e em diversos locais e espaços de interesse pedagógico para descobrir nos 14 municípios.

O projeto Descobre e Aprende em Viseu Dão Lafões permite a identificação de locais e espaços de interesse pedagógico.

Para cada um dos locais são propostas atividades pedagógicas, bem como sugestões, da forma de articulação e interligação com os currículos dos diferentes anos letivos, desde o pré-escolar ao ensino secundário e profissional.

Clique em cada um dos municípios para conhecer os diferentes locais e atividades ou pesquise por nível de ensino e área disciplinar.

VISEU MANGUALDE PENALVA DO CASTELO SATÃO AGUIAR DA BEIRA VILA NOVA DE PAIVA CASTRO DAIRE S. PEDRO DO SUL VOUZELA NELAS TONDELA CARREGAL DO SAL STA. COMBA DÃO OLIVEIRA DE FRADES

AÇÕES DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES

  • Serão realizadas, no ano letivo 2021/2022, 15 ações de formação de professores do 1.º ciclo do Ensino Básico, dos 14 municípios do território Viseu Dão Lafões com vista a apresentar o projeto e agendar visitas com os alunos ao território.

INFORMAÇÕES E RECURSOS DE APOIO AO PROJETO

PISA para as Escolas

PISA para as Escolas

Da reflexão sobre os resultados a um plano de intervenção e melhoria!

A primeira fase do projeto PISA para as Escolas foi implementada em 19  Agrupamentos de Escolas / Escolas do território de Viseu Dão Lafões e consistiu na realização dos testes PISA para as Escolas.

Assim, nesta segunda fase, tendo presente os diagnósticos por escola, município e por região, será dado um apoio às escolas na reflexão e na definição de estratégias de superação das lacunas que os resultados dos testes permitiram identificar.

 

OBJETIVOS

  • Integrar e analisar a informação regional de modo a ter a visão completa do posicionamento de cada AE de Escolas.
  • Promover um processo reflexivo alargado em cada um dos Agrupamentos de Escolas de forma a que a informação disponível possa gerar ação.
  • Envolver as direções e as lideranças intermédias das escolas na mudança e na implementação de medidas que permitam uma melhoria.

PÚBLICO-ALVO

  •  Agrupamento de Escolas de Aguiar da Beira;
  • Agrupamento de Escolas de Canas de Senhorim;
  • Agrupamento de Escolas de Carregal do Sal;
  • Agrupamento de Escolas de Castro Daire;
  • Agrupamento de Escolas de Mangualde;
  • Agrupamento de Escolas de Nelas; 
  • Agrupamento de Escolas de Oliveira de Frades;
  • Agrupamento de Escolas de Penalva do Castelo;
  • Agrupamento de Escolas de Santa Comba Dão;
  • Agrupamento de Escolas de Santa Cruz da Trapa;
  • Agrupamento de Escolas de Tondela Cândido de Figueiredo;
  • Agrupamento de Escolas de Tondela Tomaz Ribeiro;
  • Agrupamento de Escolas de Vila Nova de Paiva;
  • Agrupamento de Escolas do Sátão;
  • Agrupamento de Escolas Grão Vasco;
  • Agrupamento de Escolas Infante D. Henrique;
  • Escola Secundária Alves Martins;
  • Escola Secundária Emídio Navarro;
  • Escola Secundária Viriato.

ATIVIDADES OU INICIATIVAS A DESENVOLVER

  • Workshops de discussão dos resultados da 1ª fase do PISA para as Escolas
  • 2 sessões de trabalho
  • Apoio à criação de uma proposta de melhoria e intervenção em cada um dos agrupamentos de escolas.

Diagnóstico de competências de leitura e escrita

Diagnóstico de leitura

Diagnóstico de competências de leitura e escrita no território de Viseu Dão Lafões

Este projeto tem como objetivo elaborar um diagnóstico para conhecer melhor as ações, no âmbito da leitura e escrita, que já estão no terreno e perceber aquelas que têm mais impacto na aprendizagem das crianças e jovens. Assim, este é um processo participativo e que visa auscultar todos os intervenientes nas questões da leitura e da escrita do território Viseu Dão Lafões.

 

OBJETIVOS

  • Desenvolver hábitos de poupança e de consumo responsável essenciais para o presente e futuro das crianças participantes;
  • Promover uma relação saudável com o dinheiro, sabendo gerir o aspeto emocional das opções financeiras;
  • Formar consumidores mais informados e conscientes, gerando um impacto positivo que se manifesta ao longo da vida dos participantes e se multiplica junto das suas famílias.

PÚBLICO-ALVO

  • Coordenadores interconcelhios das bibliotecas escolas
  • Professores bibliotecários
  • Professores de 1º ciclo
  • Técnicos das bibliotecas municipais

 

 ATIVIDADES OU INICIATIVAS A DESENVOLVER

  • Sessões de auscultação;
  • Análise documental;
  • Focus group;
  • Inquéritos online.

 

 

No poupar está o ganho!

No poupar está o ganho!

Promoção da educação financeira junto dos alunos do território Viseu Dão Lafões.

O programa “No Poupar Está o Ganho” está a ser implementado pela primeira vez, no ano letivo de 2021/2022 na Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões, numa parceria com a Fundação Dr. António Cupertino de Miranda.

Este programa visa difundir a educação financeira nas escolas, capacitando os alunos para que possam adotar comportamentos e atitudes que contribuam para o seu bem-estar financeiro no presente e serem adultos poupados e informados no futuro!

 

OBJETIVOS

  • Desenvolver hábitos de poupança e de consumo responsável essenciais para o presente e futuro das crianças participantes;
  • Promover uma relação saudável com o dinheiro, sabendo gerir o aspeto emocional das opções financeiras;
  • Formar consumidores mais informados e conscientes, gerando um impacto positivo que se manifesta ao longo da vida dos participantes e se multiplica junto das suas famílias.

  • PÚBLICO-ALVO
  • Professores e alunos dos 3.º e 6.º anos do ensino básico

METODOLOGIA

De uma forma lúdica e através do recurso à análise de situações do dia-a-dia, os alunos são estimulados a adquirir conhecimentos relacionados com a boa gestão do dinheiro e a perceberam a importância de saberem tomar decisões corretas.

É um projeto de continuidade, que decorre em paralelo com o ano letivo, onde cada professor tem toda a flexibilidade para ir abordando os temas propostos ao ritmo adequado à sua turma. Todas as turmas são incentivadas a apresentarem um trabalho final e a participarem num concurso, de âmbito nacional.

ATIVIDADES OU INICIATIVAS A DESENVOLVER

  • Formação acreditada para os docentes, num total de seis horas (4 sessões, de 90 minutos cada), em formato online, sobre as diversas temáticas do Referencial de Educação Financeira;
  • Disponibilização aos professores de recursos pedagógicos e planos de aula de apoio à implementação do projeto;
  • Acesso, para docentes e alunos, a uma plataforma virtual com materiais didáticos, vídeos, exercícios, jogos e desafios;
  • Visita online ao Museu do Papel Moeda, da Fundação Dr. António Cupertino de Miranda.

INFORMAÇÕES E RECURSOS DE APOIO AO PROJETO